As empresas hoje estão cada vez mais empenhadas em contar com uma jornada do cliente mais eficaz – porque isso se traduz em mais conversões. E o marketing visual tem um importante papel nesse objetivo.

Sabemos que na maior parte dos casos o ponto inicial da jornada vem de uma busca no Google – ou outro mecanismo de buscas – algumas vezes antes mesmo de terem definido seu problema específico.

Quando este problema está melhor formatado, os leads passam a analisar várias soluções antes de finalmente entrar em contato com uma empresa – que por sua vez enviará mais conteúdo para convencê-los de que seus produtos são a melhor opção.

Para isso, é importante saber qual é o tipo de conteúdo que causa o efeito certo em seus leads – e no momento certo. E o apelo visual pode multiplicar os resultados de cada peça

Por isso siga ne leitura e descubra o conteúdo certo para tornar sua jornada do cliente mais eficaz.

O papel do marketing visual em uma jornada do cliente mais eficaz

À medida que seus leads em potencial passam por cada estágio da jornada do consumidor, eles provavelmente interagem com vários formatos do seu conteúdo.

Landing pages, artigos no blog, estudos de caso, páginas de produtos, gráficos de comparação de recursos em White papers e até mesmo e-mails marketing irão desempenhar um papel de destaque no sucesso ou não de cada etapa sucessiva.

Isso significa que seu conteúdo precisa ser relevante, convincente e, mais importante, deve deixar uma impressão duradoura.

Mas com a quantidade de conteúdo postado na web todos os dias, está ficando cada vez mais difícil ser notado. Então a pergunta é: como você faz seu conteúdo se destacar?

A resposta é: marketing visual.

As pessoas respondem melhor ao conteúdo visual: gráficos, fotografias e vídeos têm o poder de captar (e reter) a atenção dos leitores, o que é cada vez mais importante à medida que a competição pela atenção é cada vez mais feroz no meio digital.

Formatos de marketing visual que você aplicar na jornada do cliente em sua empresa

Listamos a seguir seis tipos de conteúdo em que o marketing visual pode ajudar a orientar os leads para e tornar a jornada do cliente mais eficaz.

Muito provavelmente seu time ou agência de marketing digital integrado já utiliza muitos deles em sua estratégia atual, mas cada um pode se tornar mais eficaz incorporando os princípios corretos do marketing visual.

Estágio de conscientização

Nesta etapa, mais do que em qualquer outra, os segundos contam. Sua empresa tem muito pouco tempo para divulgar sua proposta de valor.

Considerando que os cérebros humanos processam imagens até 60 mil vezes mais rápido que o texto, é essencial que o conteúdo projetado para este estágio seja altamente visual. Então aposte em:

  • Infográficos: peças de conteúdo visual de múltiplos propósitos, repletas de dados úteis. Eles são um ótimo exemplo de marketing visual em si mesmos, pois as informações que contêm são rapidamente verificáveis ​​e fáceis de digerir;
  • White papers: fuja do formato PDF e aposte em white papers interativos em HTML5. Lembre-se que a conscientização da marca vem, em grande parte, das primeiras impressões. Então criar uma experiência visual cativante é essencial.

Estágio de consideração

Este é o momento de mostrar sua solução para aqueles que estão procurando ativamente por um. E nesta hora, uma imagem pode falar muita coisa em um só impacto. Por isso sua estratégia neste ponto deve englobar:

  • Boletins informativos: esta é uma forma de marketing visual que permite manter seu público continuamente envolvido com conteúdo que desperta seus interesses – e os mantém nutridos por toda a jornada.
  • Revistas on-line: espécie de versão mais extensa do boletim informativo, o formato permite que sua empresa ofereça mais conteúdo e comunique uma narrativa em particular, de maneira linear. E como todas as revistas, elas pretendem cativar e inspirar os leitores com muitas imagens impressionantes.

Estágio de decisão

Nesta fase, muito provavelmente seus leads já estão com a caneta em mãos, pronta para assinar o contrato.

Sua empresa está com sua equipe em campo, tentando convencê-los a escolher seu produto ao da concorrência. Imagens persuasivas podem ser decisivas para a tomada de decisão. Nesta fase os investimentos em conteúdo devem focar em peças como:

  • Ebooks: concentre-se em impressionar seus leads e reserve os detalhes e as especificações para a última página. Embora esta seja também uma boa peça para ser explorada na etapa de conscientização, suas imagens persuasivas podem ser exatamente o que um lead indeciso precisa para finalmente tomar essa decisão de compra.
  • Apresentações: nesta etapa, é comum que sua equipe realize reuniões com os responsáveis pelas decisões de compras. Por isso nada de investir em longas apresentações, com slides cheios de texto. Boas imagens, vídeos e até GIFs que fortalecem e apoiam a mensagem do apresentador trazem o apelo certo.

Os conteúdos de sua jornada do cliente são os ideais? Deixe que nosso time de especialistas avalie: clique e peça nossa avaliação de estratégias digitais.

MARKETING & NEGÓCIOS

Coloque seu email abaixo para receber as atualizações do blog!

Acesse o e-mail enviado e confirme a assinatura, obrigado!