Como as palavras-chave long tail podem alavancar os negócios em sua empresa

Cerca de 70% de todas as pesquisas realizadas nos mecanismos de buscas são feitas usando palavras-chave long tail – ou cauda longa.

Esta estatística poderosa mostra como as long tails são uma estratégia importante para o SEO. É por isso mesmo que sua empresa precisa incluir algumas palavras-chave long tail em sua estratégia de SEO – quem não usa acaba perdendo MUITO tráfego orgânico.

Com as constantes mudanças de algoritmos do Google, o tráfego orgânico tem uma função primordial em sua estratégia de marketing digital. Aprenda mais sobre o tema com o conteúdo a seguir.

O que são palavras-chave long tail?

Em resumo, chamamos de palavras-chave long tail os termos de busca relacionados a uma frase ou conjunto de várias palavras que indicam precisamente o que um usuário digitou nos serviços de busca.

Se sua empresa (ou agência de marketing digital integrado) personalizar seu SEO adequadamente, seu site terá uma classificação alta nos resultados de pesquisa para a frase que corresponde diretamente ao que seus clientes estão pesquisando on-line em relação à sua empresa.

Por exemplo: digamos que sua empresa com sede no ABC produza itens que só podem ser usados ​​em restaurantes e bares – como produtos de limpeza específicos para o setor de food service.

Alguém que queira comprar esses itens pode pesquisar “onde encontrar itens para restaurantes no ABC”. E se o seu site estiver bem posicionado nos resultados de pesquisa (porque usou efetivamente esses termos como palavra-chave long tail em seu site), poderá aparecer nos resultados da pesquisa já na primeira ou segunda página.

E lembre-se: embora as palavras-chave mais curtas costumem apresentar resultados de pesquisa bem mais volumosos, as palavras-chave long tail são mais específicas – o que ajuda a atrair o público exato que sua empresa busca.

Para usar palavras-chave long tail de forma eficaz, é preciso entender alguns pontos neste mundo em constante transformação do marketing digital: como as palavras-chave long tail se encaixam na sua estratégia e onde é possível encontrá-las. A resposta, em geral, é: marketing de conteúdo.

Palavras-chave long tail são essenciais para o marketing de conteúdo

Ao investir na criação de conteúdo on-line, sua empresa deseja que os clientes possam encontrá-la e entender os tipos de solução que ela pode proporcionara às dores dos usuários. O caminho mais lógico, pelo qual os clientes encontram conteúdo on-line, é por meio de buscas em mecanismos de pesquisa.

Ao incorporar palavras-chave relevantes em seu conteúdo, sua empresa otimiza seu site para pesquisa, aumentando a probabilidade de que os clientes que pesquisam as palavras-chave que sua empresa usou encontrem sua empresa.

Essa otimização de mecanismo de pesquisa, ou SEO, aumenta o tráfego na Web e expõe novos públicos à sua marca.

Mas usar boas palavras-chave não é o suficiente. Para criar um conteúdo efetivo, que ajude a posicionar o site de sua empresa no topo de uma página de resultados de mecanismos de pesquisa, é preciso criar ter uma estratégia de marketing de conteúdo pensada sobre as dores de suas buyer personas, com uma boa escolha dos canais digitais, a frequência certa e a ajuda das palavras-chave certas – e as long tail são imbatíveis para isso.

Como as mudanças no comportamento do consumidor afetam a escolha de palavras-chave

A pesquisa por voz não está apenas mudando o comportamento do consumidor, mas também altera o comportamento do mecanismo de pesquisa.

Estamos vivendo um novo momento no relacionamento entre os usuários e seus dispositivos: a popularização das assistentes virtuais – como Siri, Cortana e os dispositivos domésticos da amazona e do Google, mais populares no mercado norte americano, as pesquisas por voz estão cada vez mais populares.

Mas esse movimento já começou com os smartphones: é muito mais prático, rápido e seguro falar do que digitar em uma tela pequena – especialmente com palavras-chave long tail.

Quando os usuários fazem suas buscas por voz, utilizam uma linguagem cotidiana para fazer perguntas completas, em vez das frases que que costumam usar ao digitar.

Isso impacta diretamente nas estratégias de SEO e uso de palavras-chave. A otimização para dispositivos móveis é importante não apenas para a indexação em dispositivos móveis, mas também para que os usuários que fazem pesquisa por voz tenham uma boa experiência. Usuários que estão em meio ao trânsito precisam de uma velocidade alta de carregamento para sites e respostas claras em seus resultados de pesquisa.

Embora ainda não possamos relatar as consultas de pesquisa por voz no Google AdWords ou no Search Console, já é possível fazer suposições com base nas consultas que vemos nos dois produtos.

As consultas de pesquisa com palavras-chave long tail e idioma natural provavelmente são de uma pesquisa por voz.

Supondo que essas consultas sejam realizadas com pesquisas por voz, podemos responder criando conteúdo em torno das respostas a essas perguntas, usando uma abordagem de conversação – já que é dessa maneira que as pessoas falam naturalmente.

Veja os snippets em destaque no Google, que abordam respostas simples e factuais às perguntas feitas pelos usuários. A resposta fornece detalhes adicionais se o usuário clicar nela, mas o objetivo é fornecer a resposta nesse campo.

Quando o usuário faz uma pesquisa por voz, descobrirá que os snippets em destaque geralmente são lidos em voz alta por assistentes de voz, em resposta às suas consultas informativas.

O usuário também vai perceber que esse snippet em destaque é o resultado principal, conhecido como “Posição 0”. Se o snippet responder à pergunta, os pesquisadores certamente irão além e vão percorrer os resultados de pesquisa adicionais.

Embora possa haver anúncios pagos acima desse snippet, essa é a melhor classificação para pesquisas orgânicas.

O objetivo do snippet é ajudar os usuários a resolver problemas ou descobrir respostas – e sua empresa precisar ser quem vai ajudá-los a fazer isso.

Embora não exista uma fórmula mágica para garantir a “Posição 0”, sua empresa pode apontar para ela quando produzir seus conteúdos – focando justamente nestas perguntas e pensando: em quem, o que, quando, onde, por que e como. Cada uma dessas dúvidas pode indicar uma intenção diferente.

Uma busca sobre fornecedores de softwares para instituições de ensino mostra que o usuário provavelmente se encontra no topo do funil de vendas, pensando em adquirir uma solução SaaS. Ele quer saber mais sobre quem os vende. Se ele perguntar onde fica o escritório de tecnologia mais próximo, provavelmente estará mais perto de efetivar sua decisão de compra.

Uma pesquisa recente sobre uso de palavras-chave em pesquisas por voz reforça justamente a necessidade de criar conteúdo que responda às perguntas que as pessoas fazem através da pesquisa por voz.

10 motivos para convencer sua empresa a investir em palavras-chave long tail

O impacto dessas palavras-chave é grande demais para ser ignorado – mas se mesmo com todas as informações que compartilhamos até aqui, você ainda precisa de mais argumentos veja a seguir 10 bons motivos para sua empresa começar já a se concentrar nas palavras-chave long tail.

1) Otimização da estratégia de blog

Ter um blog é uma das melhores maneiras de se classificar mais alto nas SERPs. E os artigos que o alimentam são decisivos para qualquer estratégia de marketing de conteúdo. O uso de palavras-chave long tail nos artigo do seu blog corporativo otimizam seus esforços em produção de conteúdo estratégico.

Os mecanismos de pesquisa analisam as palavras-chave no título, na URL, no corpo e nas meta tags. Para usar palavras-chave com eficiência, sua empresa precisa colocá-las na tag de título, no corpo do texto e no URL.

Sua empresa também deve adicioná-los ao texto alternativo nas imagens e nos cabeçalhos. Isso ajudará a otimizar seu site para pesquisas. Simplesmente escrever alguns artigos sobre um determinado tópico não ajudará nesse caso.

Sua empresa precisará encontrar algumas palavras-chave long tail que sejam relevantes para o tópico e escrever outros artigos com base nelas.

Quando sua empresa pesquisa palavras-chave long tail no Google Keyword Planner, também tem acesso a uma breve listagem com outras palavras-chave relevantes.

Essas outras palavras-chave lhe darão mais insights para a produção de artigos para seu blog corporativo. Dessa forma, sua empresa poderá criar muitos conteúdos em todo o tópico com várias palavras-chave long tail – o que ajuda a ter mais iscas boiando nos mares das ferramentas buscando que possam atrair seus leads potenciais.

Sua empresa pode implementar os mesmos métodos em suas estratégias de marketing de influência, marketing de conteúdo e muito mais. Isso vai melhorar a qualificação de suas postagens – some isso ao uso das palavras-chave long tail e o resultado será um poderoso aumento de tráfego.

As palavras-chave long tail não só ajudam sua empresa a ter uma classificação mais alta nos mecanismos de busca, mas também proporcionam insights para a criação de conteúdo exclusivo e relevante. Escrever um conteúdo pertinente vai fornecer valor para seus leitores – ajudando a nutri-los e aproximando-os cada vez mais do fundo do funil e da conversão.

2) Long tail fornece contexto

O Google atualiza frequentemente seus algoritmos. A cada nova atualização, seus especialistas se esforçam para remover os resultados fracos e pouco atrativos dos SERPs.

A atualização do Hummingbird provou que o Google quer se concentrar cada vez mais em oferecer pesquisas contextuais.

Essa atualização alterou seus algoritmos de pesquisa de maneira que a correspondência exata de frase fosse cada vez maior e mais precisa.

Além disso, aprofundou ainda mais o entendimento do contexto do conteúdo de um site. Isso significa que o Google está se concentrando em palavras-chave long tail para que seus resultados de pesquisa possam ser fortalecidos.

3) Pesquisa semântica mais efetiva

Quando sua empresa planeja otimizar seu conteúdo para pesquisas semânticas – aquelas que privilegiam as intenções por trás das palavras-chaves usadas pelos usuários – as long tail podem ser estratégicas.

Cerca de 55% dos millennials usam pesquisas por voz diariamente. Também nos comunicamos com bots regularmente ao lidar com algumas empresas. Em todas essas pesquisas, as pessoas usam palavras-chave long tail, em vez de palavras curtas.

Por exemplo, uma busca por voz por restaurantes próximos geralmente é algo como “Quais são os melhores restaurantes nas proximidades?”

Isso está revolucionando completamente as pesquisas, especialmente com o lançamento de alto-falantes inteligentes como o Amazon Echo.

Esses assistentes de voz estão sendo usados ​​para pesquisar inúmeras coisas – de música a notícias.

Sua empresa precisa tentar prever a intenção dos usuários por trás das perguntas que eles fazem. Isso pode ajudá-lo a gerar respostas para eles através de seus negócios e serviços.

4) Menos competição

Palavras-chave curtas geralmente têm uma concorrência extremamente alta. Em compensação, as palavras-chave long tail vêm com uma concorrência significativamente menor.

Por esse motivo, sua empresa não precisa de um investimento muito alto para ter seu site no topo das páginas de resultados de mecanismos de pesquisa (SERPs).

Além disso, eles são altamente relevantes e ajudam seu público-alvo a encontrar exatamente o que estão procurando.

Isso também pode resultar em melhores taxas de conversão, já que otimizam o processo de busca por soluções por parte dos usuários.

Isso significa que sua empresa pode classificar as palavras-chave que seu público-alvo está buscando sem enfrentar muita concorrência.

5) Melhores taxas de conversão

A taxa de conversão média para palavras-chave long tail pode ser até duas vezes maior do que o resultado alcançado pelas palavras-chave convencionais. Isso prova o quão efetivo eles são em obter conversões.

Ao adicionar essas palavras-chave a sua estratégia, sua empresa poderá fortalecer seu funil de CRO. Isso pode ser feito por meio do tráfego de pesquisa orgânica gerado por eles.

Embora sua empresa possa usar campanhas de PPC para cada uma dessas palavras-chave, isso vai custar muito caro. Em vez disso, sua empresa pode pesquisar palavras-chave long tail e escrever artigos com base nelas.

Lentamente, sua empresa poderá começar a obter classificações mais próximas aos resultados no topo da página por meio de seus esforços de SEO. Nesse meio tempo, sua empresa pode, claro, investir em algumas campanhas de PPC para aumentar seu tráfego.

6) Adequação aos hábitos dos seus clientes potenciais

O objetivo do Google é apresentar aos usuários as informações exatas que eles estão procurando em suas pesquisas.

Cada vez mais os usuários estão deixando de procurar palavras-chave únicas – como “SEO” – e partindo para frases mais específicas, como “quais são os principais elementos do SEO?”.

É por isso que é importante segmentar as palavras-chave que seu público usa e dar um foco maior nas long tail.

Além disso, uma das tendências de SEO mais importantes apontadas no último ano é a otimização de pesquisa para dispositivos móveis.

O Google até aumentou os limites de caracteres dos títulos de páginas para dispositivos móveis. Isso significa que sua empresa pode ter uma palavra extra no título do seu conteúdo. Isso torna as palavras-chave long tail ainda mais estratégicas.

7) Um funil de conversão mais forte

O funil de conversão consiste em sete etapas, que compreendem desde o contato inicial do usuário com a marca até a sua conversão em cliente pagante.

Se sua empresa tiver um artigo de blog que incorpore o uso de palavras-chave long tail, já vai ajudar seu usuário a navegar por pelo menos cinco das primeiras etapas.

Cada cliente entra em um estágio diferente no funil de conversão. Cabe a sua empresa levá-los para a fase de negociação e, em seguida, fechar o negócio.

Para isso, é preciso estabelecer um relacionamento e obter a confiança do cliente. Para fazer isso, sua empresa precisa fornecer o máximo de informações possível para eles.

Essa é a razão pela qual o blog corporativo é considerado uma forma mais efetiva de estratégia dentro do marketing digital integrado – especialmente se comparado à busca paga por aquisição de clientes.

O motivo é bem simples; quanto mais páginas sua empresa criar, mais palavras-chave começará a classificar. Isso, por sua vez, cria um funil maior para sua empresa, ajudando a atrair mais clientes.

Os estágios de negociação e fechamento são bastante fáceis de otimizar. Depois de fechar essa etapa, é preciso continuar criando novas páginas – continuamente. Isso ajudará sua empresa a alcançar o maior número possível de consumidores em todas as etapas do processo.

8) Mais valor

De acordo com um estudo do setor, a técnica de marketing digital considerada como a mais estratégica é o marketing de conteúdo.

Palavras-chave long tail definitivamente ajudam sua empresa a se posicionar melhor e impactam positivamente tanto com o SEO quanto com o CRO. Além disso, elas também ajudam a garantir que sua estratégia de marketing de conteúdo ofereça valor real aos leitores.

Isso é exatamente o que os mecanismos de pesquisa também estão procurando: sites que oferecem valor aos seus leitores.

Através da pesquisa de palavras-chave long tail, sua empresa pode criar novos tópicos. Isso ajudará sua empresa a fortalecer seus esforços de marketing.

Mídia, abordagens personalizadas e aplicativos são extremamente importantes dentro de um planejamento de marketing digital integrado. No entanto, sua empresa precisa criar páginas que sejam poderosas o suficiente para suportar todas estas iniciativas.

O marketing de conteúdo é uma ótima maneira de fazer isso. Ele ajuda sua empresa a dar aos usuários exatamente o que eles querem e é exatamente isso que lhes dá valor. E um dos caminhos que sua empresa pode usar para isso passa pelo uso de palavras-chave long tail.

9) Suporte na integração de dados estruturados

Os dados estruturados são uma das coisas mais importantes nas quais sua empresa precisa se concentrar para ter uma classificação mais alta nas SERPs.

É preciso analisar a estrutura de seu website usando uma ferramenta especial de dados estruturados do Google.

Quando sua empresa adiciona dados estruturados às suas palavras-chave long tail, os mecanismos de pesquisa podem fornecer resultados enriquecidos.

Esses resultados mostram muito mais informações do que as listagens de pesquisa regulares. Mas a vantagem adicional é que não importa em qual posição sua empresa se encontra dentro dos resultados de busca – os dados estruturados levam suas informações diretamente para o topo de todos os resultados da pesquisa.

Isso pode ser ainda mais eficaz para a geração de leads do que um PPC ou até mesmo uma campanha de SEO. Essa é uma nova maneira de pesquisar no Google e sua empresa também deve adotá-la.

10) Long tails atraem a maior parte do seu tráfego orgânico

Nós poderíamos ter resumidos todos estes outros nove itens neste último – se considerarmos o ponto mais estratégico.

Para ver mais detalhes e entender melhor esse cenário, consulte os relatórios do Google Analytics. Ao analisar os resultados, você descobrirá que a maior parte do tráfego que chega até o site de sua empresa é por meio de palavras-chave long tail.

Estes são os termos para os quais sua empresa está recebendo impressões e são eles que geram os cliques.

Se sua empresa tiver um site de comércio eletrônico, eles ajudarão a gerar mais vendas. Quanto mais se aprofundar na pesquisa de palavras-chave, mais sua empresa descobrirá que palavras-chave long tail estão alimentando seu tráfego.

Para encontrar palavras-chave long tail, sua empresa pode usar ferramentas como o Google Keyword Planner. Isso não apenas ajudará sua equipe de criação a ter mais ideias de artigos, mas também a escolher o que escrever.

Concluindo

Agora que sua empresa tem uma ideia do poder das palavras-chave long tail, é hora de começar a implementá-las.

Já mostramos aqui o nível de sua eficácia dentro de uma estratégia poderosa de marketing digital integrado.

Agora sua empresa precisa criar e publicar conteúdo de qualidade em seu site também. Isso ajudará sua empresa a fornecer um valor real aos seus clientes, o que os fará querer permanecer em seu site, conhecer seus produtos e tornar-se um cliente pagante.

Desenvolver suas estratégias de acordo com as últimas mudanças em SEO também ajuda. Estar pronto para a pesquisa por voz também é uma ótima maneira de classificar melhor usando palavras-chave long tail.

Independentemente de quais sejam seus objetivos, lembre-se de que as palavras-chave long tail são a maneira mais eficaz de obter uma classificação mais elevada no Google.

Se você precisa de ajuda para desenvolver uma estratégia fundamentada em long tail, nossos especialistas são a opção certa – clique e peça uma avaliação já!

MARKETING & NEGÓCIOS

Coloque seu email abaixo para receber as atualizações do blog!

Acesse o e-mail enviado e confirme a assinatura, obrigado!