Gestão de Projetos: Saiba agora como entregar melhor!

As novas formas de fazer negócio e atender as demandas de um consumidor e cliente mais exigente estão sendo impulsionadas diretamente pela tecnologia, em muitos casos com novas tecnologias e modelos disruptivos. As empresas responsáveis por criar estes novos modelos estão também mudando as premissas, nascem já conectadas com as novas plataformas tecnológicas e utilizam de metodologias até então renegada para muitas empresas, especialmente as mais tradicionais. Por isso as maneiras tradicionais de gestão de projetos de TI que já foram amplamente usadas, começam a abrir espaço para metodologias mais ágeis. Entenda mais:

Métodos de gestão de projetos de TI

Os métodos tradicionais estão abrindo muito mais espaço para o que hoje é conhecido como método ágil. Mesmo assim, existem diferentes tipos de negócios que preferem as formas mais antigas ou tradicionais de gestão de projetos, por alguns de seus benefícios que os atuais negócios não enxergam como mandatórios. Ambos as formas têm seus benefícios, vamos ver alguns deles.

Método tradicional – Waterfall

Foco no Planejamento

O método tradicional também é conhecido por metodologias orientadas a planejamento. Isso quer dizer que a equipe do projeto entra em acordo em relação ao escopo, prazo, recursos e qualidade e cria um plano de projeto do produto que precisam entregar, definindo as ferramentas que serão necessárias e o que pode vir a ser usado no futuro.

Neste caso, o escopo é parte fundamental do plano de projeto, pois a partir dele é possível definir o plano do projeto.

Produto completo

No método tradicional, a entrega do software é feita quando ele está completamente pronto. A empresa inicia a utilização a partir da entrega da nova solução completa, caso novas funcionalidades precisem ser inseridas um novo projeto ou ações de melhorias são renegociadas e os serviços são contratados.

Orçamento definido

Um dos benefícios de trabalhar com o método tradicional é que o valor é definido antes do projeto começar, de acordo com as necessidades da empresa e as funcionalidades do software, fazendo com que seja mais fácil planejar os gastos.  Isto vale muito para a provação do orçamento perante o fórum decisor da empresa.

Método ágil

As metodologias ágeis trabalham de uma maneira distinta, e diferentes empresas adotam algumas práticas que compõem a forma como elas serão desenvolvidas. As principais formas são conhecidas como Scrum e XP (programação e extrema). Ambas têm suas características específicas, mas a ideia é basicamente a mesma: usar metodologias ágeis.

Menos planejamento, mais produção

No método ágil, o cliente dá uma ideia do que ele precisa na plataforma e a equipe do projeto inicia o desenvolvimento. À medida que o produto começa a tomar forma, o cliente colabora efetivamente com o que acha que seria necessário acrescentar para que o software fique de acordo com suas demandas. Isto é feito em ciclos curtos, permitindo ajustes rápidos e com menos esforços.

Feedback e testes constantes

Nessa metodologia ágil os testes são constantemente realizados para garantir a estabilidade da solução, os cliente dão feedback constante para realizar aperfeiçoamentos e mudanças que julguem necessárias. Desta forma não é necessário esperar uma fase específica de testes para identificar problemas e/ou GAPs do produto que será entregue.

Entregas rápidas

Ao invés de entregar o produto final 100% pronto como normalmente é realizado no método tradicional, no método ágil as coisas funcionam de outra maneira. Como não há o mesmo tipo de planejamento que no método tradicional, também não existe produto final, ou seja, o produto é desenvolvido constantemente com ajustes para manter os requisitos e a qualidade do produto.

Assim que a equipe produz uma versão inicial do programa, com as funcionalidades mínimas e mais simples para que possa ser implementado e suprir as necessidades mais básicas, ele é entregue e utilizado e a partir daí as melhorias vão dando forma para o produto mais completo.

O simples é regra

A ideia do método ágil é deixar as coisas simples. Como as equipes irão continuar trabalhando constantemente com o cliente, não há necessidade de inserir ferramentas e funcionalidades que talvez não sejam necessárias. Tudo o que está no software é o necessário, pois é validado e ajustado constantemente.

Qual é o melhor?

Cada método tem vantagens e desvantagens de acordo com as necessidades e os costumes de cada empresa. Muitas empresas preferem trabalhar com metas específicas, ter um prazo final para a entrega do software, e calcular os gastos totais do investimento na plataforma de uma só vez, o método tradicional proporciona mais segurança.

Já o método ágil simboliza a constante transformação digital que vemos no mundo, e ele permite que as empresas consigam usar suas plataformas mais rapidamente, e adequá-las a mudanças sempre que necessário. Mas aqui o investimento é contínuo e não é possível ter uma estimativa muito precisa do gasto no início do processo, já que não há um planejamento rígido do que será o software finalizado.

No mapa abaixo tentamos fazer um comparativo entre as metodologias, confira:

comparação waterfall agil v1

Para refletir

A metodologia Waterfall (tradicional) define escopo e requisitos bem detalhados, alto custo de mudanças, menos flexibilidade, orçamento fechado, mais utilizado para projetos ou negócios de baixa incerteza.

Já os métodos Ágeis definem os requisitos a cada iteração, flexibiliza alterações, valoriza a comunicação – é mais direta, utilizado em projetos de alta incerteza.

E você, na sua gestão de projetos prefere metodologias ágeis ou tradicionais? Deixe seu e-mail e receba as atualizações do nosso blog!

Quer saber mais sobre TRANSFORMAÇÃO DIGITAL? Criamos este e-book com linguagem simples e acessível.

Clique na imagem para baixá-lo gratuitamente!

transformação digital 420px

Você é um profissional de TI? Então comece agora seu Plano Estratégico de TI 2016-2017.

Baixe gratuitamente o template e acelere seu planejamento!

CALL TO ACTION banner

MARKETING & NEGÓCIOS

Coloque seu email abaixo para receber as atualizações do blog!

Acesse o e-mail enviado e confirme a assinatura, obrigado!