Como a gestão de redes sociais pode gerar negócios e fidelizar clientes

Uma boa gestão de redes sociais pode fazer uma grande diferença em suas metas de vendas e de receita.
Isso porque o brasileiro ama redes sociais: segundo o IBGE, metade da população brasileira tem acesso à internet e usa as redes sociais.
Então sua empresa deve apostar já em uma boa estratégia de inbound marketing e de gestão de redes sociais para fazer negócios – e até fidelizar clientes.
Veja mais a seguir e descubra como colocar as redes sociais de sua empresa para trabalhar em conjunto com sua equipe de vendas!

Interação é o segredo para uma boa gestão de redes sociais

Com a transformação digital cada vez mais presente, as pessoas estão mudando seu padrão de consumo. E as empresas precisam acompanhar este novo cenário.
E um bom caminho para se destacar da concorrência é investir em ações de interação. Isso ajuda a sua empresa a ganhar a confiança do consumidor, mostrar-se disponível para entender suas dores e fornecer soluções.
E muito deste relacionamento entre empresa e consumidor acontece através das redes sociais.
Sua empresa pode usá-las para divulgar novos produtos e promoções, compartilhar novos projetos, fornecer conteúdo que facilite o dia a dia de seus seguidores e obter feedbacks através de comentários, curtidas e compartilhamentos.

Como fidelizar seus clientes pelas redes sociais

Estreitar o relacionamento entre seus clientes e sua empresa através dos perfis sociais pode trazer inúmeras vantagens – especialmente para as suas vendas.
Com os perfis sociais, o acesso ao seu público ficou mais fácil. E as plataformas ainda fornecem dados que permitem conhecê-lo melhor e trazem oportunidades de negócios, especialmente quando você observa estes pontos:

1) Esteja onipresente

Com certeza seu público tem uma rede social preferida (você pode checar isso consultando as buyer personas de sua empresa).
Isso significa que sua presença digital deve marcar território por lá, assim como  em outras redes, para ter uma maior abrangência.
Dica: diversifique seus investimentos e use estratégias diferentes para cada rede social. Assim fica mais fácil entender onde sua empresa obtém mais retorno.

2) Adapte seu conteúdo

É importante ter em mente que cada uma das redes sociais funciona de uma maneira.
Por isso, não adianta criar apenas um conteúdo ou post e replicá-lo igualzinho no Facebook, no Twitter, no Instagram, no LinkedIn… Cada rede possui uma linguagem específica que precisa ser respeitada.
Entenda melhor a seguir:

  • Facebook: a linguagem é mais informal. É possível compartilhar textos, links, imagens e vídeos.
  • Twitter: a linguagem também é informal e é importante usar hashtags para indicar o assunto principal. Como o limite de cada post é de 140 caracteres, essa rede funciona para mensagens mais curtas e objetivas.
  • Instagram: o foco está nas imagens. Capriche nas fotos e montagens – e use legendas curtas, já que a plataforma não exibe textos longos.
  • LinkedIn: o tom é mais formal e os conteúdos são em sua maioria voltados para temas ligados a carreira, empreendedorismo, capacitação profissional e superação. Esse é o tipo de rede que exige um bom marketing de conteúdo, já que apenas replicar o conteúdo de outra rede fará a postagem parecer deslocada – e pouco interessante.

3) Segmente seu público

Com as constantes mudanças de algoritmo feitas nas redes sociais, suas postagens só serão exibidas para toda a sua base de fãs se forem patrocinadas. Isso pode ser feito através do Facebook Ads e Linkedin Ads.
Ao programar os posts patrocinados, é fundamental segmentar o público que deseja alcançar em cada campanha.
Isso ajuda a garantir o conteúdo específico para cada tipo de consumidor, a cada etapa do funil de vendas.
E também para não desperdiçar verba falando com quem não é seu público em potencial.

4) Avalie os resultados

As plataformas já disponibilizam, em tempo real, o alcance – orgânico ou pago – da cada postagem. Assim é possível verificar quais temas e tipos de conteúdo geram mais acessos.
Aproveite todos os dados, fornecidos pelas plataformas de redes sociais e pelo Analytics do seu site, para entender seus clientes e leads – e como isso pode se traduzir em vendas.

5) Seja acessível

Uma marca deve ouvir seus seguidores através dos seus perfis sociais.
Então se alguém deixar comentários negativos em seu perfil, aquela postagem ficará visível para os outros usuários.
A melhor estratégia nesses casos é oferecer uma resposta e uma solução para o problema.
O tempo nesse momento também é crucial: empresas que deixam dúvidas e reclamações “penduradas” prejudicam sua imagem. Lembre-se: interação é a chave do sucesso para uma boa gestão de redes sociais.

Tudo isso fará que com que seus leitores se sintam especiais e ouvidos por sua empresa – aumentando cada vez mais suas chances de fazer negócios nas redes sociais. Ou fora dela!

Como sua empresa tem trabalhado a gestão de redes sociais? Que tal otimizar seus resultados no Facebook com a ajuda da UP2Place: baixe nosso e-book e garanta bons resultados!

MARKETING & NEGÓCIOS

Coloque seu email abaixo para receber as atualizações do blog!

Acesse o e-mail enviado e confirme a assinatura, obrigado!

Leave a Reply

You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>