Métricas de vaidade e sua importância nos seus negócios

Entenda o que são as métricas de vaidade e descubra se elas de fato podem trazer resultados expressivos para o seu negócio.

Muitas empresas usam as métricas de vaidade para medir o desempenho de suas ações nas mídias sociais.

Muito disso se deve à facilidade de obter as informações: todas as plataformas as fornecem, de forma prática e rápida.

O grande problema é que isso não necessariamente traduz o quão bem-sucedida suas estratégias estão sendo.

Em muitos casos, basear seus relatórios em cima das métricas de vaidade é como aplicar um filtro do Instagram que esconde todas as suas falhas. Claro, a aparência está perfeita – mas não representa quem você realmente é.

Então os resultados podem ser ambíguos. Especialmente quando se trata de relatar um retorno sobre o investimento (ROI) ou valor para uma empresa.

É por isso que nossos especialistas seguem buscando o verdadeiro valor das métricas de vaidade para um negócio. Por isso siga na leitura e veja o que descobrimos.

O que são métricas de vaidade?

Embora algumas métricas possam ser úteis, como um meio para um fim, muitas vezes elas se tornam métricas de vaidade.

São números que podem parecer impressionantes, mas realmente não significam nada em relação à saúde de um site ou empresa.

Buscamos uma definição oficial e encontramos algo como: “Métricas de vaidade são aquelas que fazem você parecer bom para os outros. Mas não ajudam a entender seu próprio desempenho de uma maneira a guiar estratégias futuras.”

O desafio aqui é que as métricas de vaidade criam a ilusão de que a estratégia de mídia social está funcionando.

Afinal, você está recebendo toneladas de cliques. As pessoas estão dando likes em seus posts. Seu perfil contabiliza milhares de impressões. Mas há valor de fato nesses números?

Infelizmente a resposta é não – na grande maioria dos casos. Por que? Porque eles podem ser facilmente manipulados. Além disso, não nos dizem nada preciso sobre nossos negócios ou ações de nossos seguidores.

Principais exemplos de métricas de vaidade

Existem três métricas que sempre são apontadas quando chegamos a esse assunto:

Impressões

As impressões medem o número de pessoas que potencialmente foram expostas ao seu conteúdo ou passaram por ele. O problema é que é tudo um grande palpite.

Se você acha que esse número é uma medida precisa de suas campanhas de mídia social, pense novamente.

Pois você nunca saberá quantas pessoas viram seu conteúdo a menos que você realmente pergunte a todos eles.

Likes

Um volume alto de likes gera uma sensação de popularidade e de engajamento. Quanto mais “likes” uma postagem obtém, mais achamos que o conteúdo está performando bem.

Então isso pode ser verdade até certo ponto. Mas não nos diz de fato quais ações os usuários tomaram depois. Afinal, um like não tem sentido se não for seguido por mais ações mensuráveis.

Seguidores

Este é um grande debate no setor. Pois muitas empresas já vieram até nós perguntando o que fazer para obter um certo número de seguidores em um determinado período. “500 seguidores em uma semana. É possível? ”

Sim. Talvez com um investimento em anúncios. Mas isso significa que sua empresa vai começar a ter novos clientes e fazer mais vendas imediatamente? Não.

Na verdade, a probabilidade de que até metade de seus seguidores vejam todos os seus posts e se envolvam com eles é pequena.

Além disso, há um punhado de sites por aí que comercializam seguidores. Um caminho muito perigoso – que pode culminar até no banimento permanente de sua conta na plataforma.

Especialmente porque estes seguidores costumam ser bots, que tendem a ser deletados da plataforma com uma certa frequência.

Mas como identificar métricas de vaidade de fato?

Agora você tem a definição e exemplos de métricas de vaidade. Mas talvez ainda esteja difícil entender porque elas não são realmente úteis para o seu negócio.

Então para ajudar a identificá-las melhor você deve considerar os seguintes pontos:

Essas métricas podem ajudá-lo a tomar decisões de negócios?

Métricas de vaidade não ajudam na tentativa de tomar decisões de negócios. Já as métricas acionáveis permitem que sua empresa veja o cenário real.

Assim é possível identificar o que não está trabalhando para ajudá-lo a desenvolver sua estratégia.

Você pode recriar os resultados?

Um dos grandes problemas das métricas de vaidade é que elas tendem a se concentrar em uma ocorrência única. E não em algo que pode ser reproduzido.

Por outro lado, as métricas acionáveis fornecerão métodos experimentados e verdadeiros, que podem ser recriados no futuro.

Eles contam o quadro todo?

Imagine comparar dados mês a mês para uma indústria que é fortemente impactada pelos feriados.

Para poder analisar o quadro verdadeiro, seria preciso ver os resultados ano a ano. Dessa forma, você pode descobrir que, embora as vendas tenham aumentado de outubro a dezembro, elas diminuíram quando comparadas com o ano anterior.

Então as métricas de vaidade não servem para nada?

Pelo contrário. O segredo é usar as métricas de vaidade da maneira correta. Afinal, elas podem ser muito valiosas quando usadas para testar e melhorar a forma como seu público-alvo está reagindo ao seu conteúdo em diferentes canais.

Por isso você pode usar as métricas de vaidade para mensurar melhor seus objetivos de marketing. Como o sentimento ou consciência da marca em um canal específico.

Leia também: As melhores redes sociais B2B para alavancar seus negócios

Agora se o vamos falar de objetivos de negócios, como o ROI, você deve focar em métricas que mostrarão o quadro completo. E que podem ajudar a tomar decisões informadas. São as métricas acionáveis.

O que são métricas acionáveis?

Ao contrário das métricas de vaidade, as métricas acionáveis estão ligadas ao sucesso do seu negócio. Por isso, elas podem fornecer dados bem estratégicos sobre o comportamento de seus clientes ou do público.

Manter o controle de métricas acionáveis e analisar esses dados ajudará sua empresa a tomar decisões no curto e no longo prazo.

Exemplos de métricas acionáveis

Listamos a seguir algumas métricas acionáveis que podem ajudar sua empresa a obter resultados mais expressivos.

Tráfego de sites

Em vez de rastrear os “likes” que sua empresa recebe em um post, veja quantas pessoas estão clicando no link que foi incluído, remetendo para seu site.

Leia também: 7 insights para gerar mais tráfego para o site de sua empresa

Pois isso mostrará quais tipos de conteúdo ressoam melhor com seu público. Assim como os formatos que seu time de marketing de conteúdo pode estar perdendo seu tempo ao produzir.

Você também pode ver quanto tempo as pessoas permanecem em cada página. Bem como se elas estão clicando em outras páginas para saber mais sobre o seu negócio.

O Google Analytics pode mostrar todos estes dados. Porém, sabemos que pode ser algo um pouco confuso de entender. Por isso, vale pedir ajuda para sua agência de marketing digital.

Engajamento

Comentários, compartilhamentos e conteúdos salvos também dão uma ótima visão do conteúdo que tem melhor desempenho. Ou de quais produtos os consumidores estão mais interessados.

Este já é um passo além de simplesmente dar like em algo. Pois estas ações mostram que os espectadores estavam interessados o suficiente para contar através de um comentário, compartilhar com seus amigos mais próximos ou guardar para si mesmos para ver de novo mais tarde.

Conversões

Uma conversão acontece quando alguém completa a ação que você induziu em seu post nas redes sociais:

  • Uma compra,
  • Inscrição em um webinar,
  • Acesso a um artigo do seu blog,
  • Download de um recurso – como um eBook,
  • Envio de informações de contato,
  • Prova Social, entre outras.

 

Isso mostra que seu post é eficaz e inicia a ação do espectador. Você pode rastrear conversões em páginas da Web específicas, ao estabelecer metas no Google Analytics.

Conclusão: combine métricas de vaidades às acionáveis

Em termos gerais, qualquer métrica que não tenha contexto, também não tem valor real.

Por isso, lembre-se de que as métricas que você analisa devem sempre dizer algo sobre seus esforços de marketing. Também devem ajudá-lo a melhorar seu negócio de forma significativa.

Enquanto isso, você só pode escolher quais métricas rastrear de acordo com os objetivos do seu negócio. Assim você poderá tomar decisões inteligentes que podem levar a negócios mais rentáveis.

Se você precisar de ajuda com isso, contem com nossos especialistas. Nós podemos criar uma estratégia personalizada e gratuita com as principais ações para sua empresa aumentar as vendas em 2022.

SOLICITE JÁ!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Saiba como utilizar o Digital para Aumentar Vendas e Conquistar Novos Clientes
Clique aqui e solicite gratuitamente uma avaliação da sua Estratégia Digital
O Guia Definitivo da Automação de Marketing
Baixe o seu GUIA PRÁTICO DE GERAÇÃO DE LEADS
Ebook Guia de ofertas de conteúdo para uma geração eficaz de leads
REPRESENTANTE DE VENDAS – DIGITAL​
EBOOK MARKETING DIGITAL PARA INDÚSTRIAS​
GUIA DE MÍDIA PAGA​

ABM Account-based Marketing

Cadastre-se e receba conteúdos inéditos sobre Marketing Digital

Posts Relacionados

EN PT ES